quinta-feira, 31 de março de 2011

Godinho Lopes suspeito de Corrupção


Godinho Lopes,ex vice-presidente,  do Sporting e ex  da "holding" do clube de Alvalade,  recentemente eleito Presidente do Sporting foi um dos dois homens detidos na segunda-feira de 18 de Março de 2002 pela Polícia Judiciária (PJ) por suspeita de corrupção e administração danosa no alojamento em navios durante Expo-98. A notícia foi avançada pela Lusa, citando fonte ligada ao processo.

Godinho Lopes foi presidente da empresa responsável pelo novo estádio do Sporting.

Segundo um comunicado da PJ à data, Godinho Lopes e Januário Rodrigues foram suspeitos de terem desviado cinco milhões de euros, tendo sido por isso detidos pela Direcção Central de Investigação da Corrupção e da Criminalidade Económica e Financeira (DCICCEF), no âmbito da operação "Barca Bela". Os dois homens enfrentam a suspeita de corrupção, participação económica em negócio e administração danosa dos alojamentos em navios-hotel durante a Exposição Internacional de Lisboa, em 1998.

Luís Fernando David Godinho de Matos Lopes, além de vice-presidente do Sporting e da "holding" do clube no passado, foi também o presidente das sociedades Comércio e Serviços e EJA (Estádio José Alvalade), esta última a empresa leonina responsável pelo novo estádio do clube.

Fonte:
Jornal "Público" de Março de 2002

1 comentário: