quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Falaste demais, a Mafia limpou-te o sebo...

Apito Dourado

PS de Gondomar estranhou a substituição de juíza. Socialistas disseram que "há claros indícios de que alguém quer matar o processo"O presidente do PS de Gondomar, Ricardo Bexiga, disse estranhar a substituição da juíza do caso "Apito Dourado", afirmando que Paulo Abreu Costa, o juiz que vai substituir Ana Cláudia Nogueira no processo, no âmbito do movimento anual dos juízes, é filho do assessor de Valentim Loureiro para a área jurídica na autarquia local e irmão do fiscal municipal de obras na mesma Câmara.Numa conferência de imprensa convocada para debater as incidências do processo na gestão autárquica de Gondomar, Ricardo Bexiga sublinhou que à transferência dos dois principais investigadores do caso para Cabo Verde e França se soma agora a substituição da juíza responsável pelo inquérito, Ana Cláudia Nogueira."O juiz que vai substituiu Ana Cláudia Nogueira [no âmbito do movimento anual dos juízes] é Paulo Abreu Costa, filho de João Araújo Costa, assessor para a área jurídica de Valentim Loureiro na Câmara de Gondomar, e irmão de Nélson Costa, fiscal municipal de obras na mesma autarquia", adiantou Ricardo Bexiga.

O líder do PS de Gondomar acrescentou que Paulo Abreu Costa é "um juiz muito jovem que estava colocado no Tribunal de Menores de Braga e que tinha indicado o Tribunal de Gondomar em 61º lugar na sua lista de preferências em caso de transferência"."Há claros indícios de que alguém quer matar o processo, com movimentações que põem em causa a independência da justiça", disse Ricardo Bexiga."Esta situação põe em causa a independência da magistratura", afirmou Ricardo Bexiga, acrescentando que compete agora ao Conselho Superior da Magistratura "explicar as razões deste movimento".Ricardo Bexiga considerou também "lamentável" que Valentim Loureiro insista em permanecer à frente da Câmara Municipal de Gondomar nas actuais condições.Valentim Loureiro é suspeito, no âmbito do processo "Apito Dourado", de 18 alegados crimes de corrupção activa, quatro de tráfico de influência e um crime de corrupção passiva.No âmbito do mesmo processo, que envolve um total de 16 pessoas em alegados crimes ao nível do futebol, encontra-se preso preventivamente, desde há dois meses, o vice-presidente da autarquia e presidente do Gondomar Sport Clube, José Luís Oliveira, enquanto um outro vereador se encontra sob medidas de coacção e impedido de contactar o presidente.O PS de Gondomar reiterou a sua posição de que Valentim Loureiro "deveria pôr os interesses dos gondomarenses à frente dos seus e suspender o seu mandato até ao cabal esclarecimento de toda a situação".Ricardo Bexiga considerou ainda que a autarquia se encontra paralisada na sequência do processo "Apito Dourado", com apenas três vereadores a gerir todos os pelouros da Câmara

5 comentários:

lawrence disse...

Eles, os corruptos, pela calada lá vão mexendo os cordelinhos para se safarem!
E do povo anónimo, ninguém dá por isso.
Terá que ser um "tótó" qualquer a pôr a boca no trombone para que algumas pessoas fiquem a saber mesmo com os avençados jornalistas desta praça a não darem relevância.
E depois o "tóto" arrisca-se a mais uns membros fracturados!

Carlos Alberto disse...

Na ‘especial’ qualidade de Presidente do Conselho de Administração (ando a procurar um ex-seleccionador de um país de leste para o cargo de Director-Geral) do blog http://benfiliado.blogspot.com/ venho desejar aos que Produzem, Realizam, Escrevem e Publicam este blog os votos de um Santo e feliz Natal.

Manuel Oliveira disse...

Amigo kapotes, eles não dormem em serviço!

Aproveito a visita para te desejar umas FESTAS FELIZES e tudo de bom.

Abraço.
Blog do Manuel

BT26 disse...

Bom Natal e grandes entradas.

Benfica sempre.

kapotes disse...

A todos vós enormes Benfiquistas
gostaria de vos desejar um Feliz Natal e o meu muito obrigado pelo apoio ao Blog